sábado, outubro 23, 2010

Meninas Super Poderosas e outros.

Ah, cara, vai dizer que vc nunca gostou desse programa? As menininhas com super poderes fizeram parte de todas as minhas manhãs, praticamente. Mas devo admitir que a parte que eu mais gostava nem era quando elas entravam em ação, eu gostava mais da musiquinha no início quando aparecia a fórmula delas: 2)Elemento X + açúcar + tempero + trequinhos randômicos coloridos e felizes (popularmente conhecidos como “tudo que há de bom” -> Misturando tudo em um laboratório em que ocorram coisas acidentalmente e telefones têm carinhas felizes, se você for um professor solteirão que tem um macaco superdotado/aberração, conseguirá criar menininhas superpoderosas que voam, são fortes e não têm mãos nem pés. (: Minha preferida: lindinha.

E a minha segunda parte favorita era no final, quando aquela voz dizia "e mais uma vez as meninas super poderosas salvaram o dia do mal!!!" ou algo parecido. E eu gostava do episódio que aparecia 3 meninos que eram "os meninos super poderosos" só que eles eram tipo bad boys, e aí eles sempre tiravam o poder das meninas, e no final elas recuperavam suas forças e derrotavam eles! YEAAAAH! UHUU! :DDD
E tinha o macaco louco. Eu não o odiava, eu tinha até um pouco de pena dele, poxa, o vidro que encobria o cérebro dele era mó furreca! E ele foi traido pelo próprio dono! Se vc for ver fotos dele bebêzinho, vai ver como ele era fofo!

Na verdade são muitas coisas das quais eu sinto falta, vários seriados, vários brinquedos etc. Lembrar daquele seriado, Rosado e o Cérebro? Acho que era assim. Era muito legal! E no o Cérebro sempre dizia "tá pensando no mesmo que eu?" e o Rosado dava umas respostas muito sem noção, era hilário.

E também tinha os Rugrats. Nossa, como eu amava aquele desenho! Até hoje eu tenho o DVD de quando eles se perdem na floresta. E quando eu era bem menor eu adorava a Moranguinho, e eu também tenho o DVD. Sério, é muito bonitinho, e no inicio aparece um sol-narrador que é super fofinho.

Enfim, são vários e vários que eu posso passar o dia inteiro citando, e nunca acabará!

Nenhum comentário:

Postar um comentário