sábado, outubro 02, 2010

Querer não é poder.

Não basta querer para ter. E isso é algo que todos nós sabemos desde criancinhas. Com exceção daquelas pessoas mimadas que pedem, e tem. Pois é, se vc que estiver lendo estiver pensando "na verdade, é só querer que eu posso ter." Então, você é mimado. Se vc não pensou nisso, parabéns, você tem consciência.


Mas eu não estou falando somente de querer objetos materiais. Claro que isso também faz parte, mas eu digo coisas da vida. Depois de pensar um pouco eu cheguei a conclusão de que se passa um bom tempo da vida aprendendo e errando, aprendendo e errando, aprendendo e errando (...) E para que mesmo? Ah, claro, para saber a coisa certa a se fazer. Mas eu digo, tem algum objetivo mais específico nisso? Eu acredito que há algo por trás disso. Porque afinal, qual seria o sentido da vida que fizéssemos tudo isso, nos esforçássemos tanto para no final, não ganhar nada!

Eu queria ser uma gênia em matemática, mas até hoje nunca consegui. Eu queria nunca brigar com as minhas amigas, mas também não consegui. Eu queria nunca ficar entediada, pfff, até parece! Eu queria nunca ter assistido faustão, mas infelizmente já cometi esse erro. Eu queria nunca ter sido ignorada, mas também não deu. Eu queria nunca ter falado aquela frase que mudou tudo, mas eu falei. Eu queria que todos parassem de relembrar um erro que eu já cometi, mas não aconteceu. Eu queria não dividir o quarto com meu irmão, mas não dá (ainda). Eu queria não estar com o braço doendo, mas ele está. Eu queria não ter que esperar, mas eu espero. Eu queria não ter que ouvir bronca e reclamações, mas eu ouço. Eu queria não ter que estudar tanto, mas eu tenho. Eu queria ter mais inspiração para postar, mas eu não tenho. Eu queria viajar o mundo, mas ainda não deu. Eu queria não ser tão esquecida, mas eu sou.

São muitas coisas que queremos, e não podemos ou não conseguimos.
Eu posso ficar até amanhã falando de coisas que eu queria, e aposto que vc iria sentir o mesmo.

Eu acho que partes das coisas que eu citei fazem parte do "aprender e errar" que tanto fazemos. E o resto são apenas desejos. Mas eu sei também que ao querer, não basta só esperar ganhar, tem que fazer coisas para merecer. E as vezes nem assim ganhamos porque a vida muitas vezes é injusta com a gente. Por algum motivo.

Aposto que vocês já notaram que eu sempre acho que existe motivo para as coisas. Mas tem de haver certo? As coisas não podem existir sem explicação. Muitas vezes depende muito na sua crença. Se você acredita em Deus, ou se você é ateu. Eu prefiro acreditar. Deus é a resposta para tudo aquilo que a ciências, ou vc, não podem explicar. Eu acho que a maioria dos ateus já falou alguma vez "Ai Meu Deus" ou já rezou num momento difícil. Faz parte de cada um.

Outra coisa que vc sempre deve acreditar quando estiver se sentindo na pior é "sempre pode ser pior". Se você está se molhando toda porque de repente pegou um toró, e tá cheia de papel que não pode molhar na mão, pense que poderia ser muito pior. Os papéis poderiam ter caído numa poça, ou vc podia estar de salto alto e ter se machucado. Ou então vc poderia estar sem aquela pasta para cobrir a cabeça, ou vc poderia até mesmo ter sido eletrocutado. Isso é um exemplo para muitas situações. Por isso, meu conselho de hoje é: seja otimista.

Música: Downtown.

*Bob Can Swim*

Nenhum comentário:

Postar um comentário