quarta-feira, dezembro 08, 2010

30 Anos Sem John Lennon

[Inspiração: www.julianapoppe.blogspot.com]

Um ídolo, um astro, uma lenda que marcou a história do rock. John Lennon. Essa sim é uma pessoa que marcou o coração de muitos. Hoje -8 de dezembro- se completa 30 anos que o astro faleceu. Num ato de rebeldia, ou loucura, um de seus fãs o assassinou com três tiros, o que o levou à morte. Esse IDIOTA -se me permitem dizer- foi condenado à ficar preso durante seu tempo de vida. Agora que já esclareci a parte dramática da história, vamos para o que deve ser lembrado e guardado em memória ao integrante mais importante dos Beatles: seu tempo de sucesso. Esse é um astro que brilha até hoje, o vangloriado John Lennon, com seu talento reconhecido por tantas pessoas, e suas melodias tão significativas, todas elas marcaram tempos difíceis. Tempos de guerra e brigas, e John, com suas musicas, pedia paz. Morreu aos 40 anos, mas para muitos, está vivo até hoje. Não sei ao certo o paradeiro dos outros beatles, mas o único que está vivo é Paul, que fez um show em São Paulo recentemente. Aqui estão algumas de suas músicas:

  • Imagine
  • Happy Xmas
  • Stand By Me
  • Woman
  • Jealous Guy
  • Give Peace A Chance
  • Something
  • Love
  • Mother
  • All My Loving
  • In My Life
  • God
  • Starting Over
  • Beautiful Boy
  • Come Together
  • Hey Jude
  • Help!
  • All You Need Is Love
  • Let It Be
  • I Wanna Hold Your Hand
  • Here Comes The Sun
  • Love Me Do
  • Hello, Goodbye
  • Across The Universe
Entre muitas outras que encantaram o mundo. Só espero que o mundo continue a se encantar cada vez mais pelo cantor que revolucionou o mundo da música. John marcou principalmente os anos 60, com sua singular cafonice, mas o que eu devo dizer é que, se ele tivesse aparecido em outros tempos, talvez tivesse obtido resultados melhores, mas daí não seria o mesmo John Lennon drogadão que ouvimos falar. Por isso que tudo acontece quando deve acontecer, e o tempo nunca comete erros. Como dizia John Lennon: A vida é aquilo que acontece enquanto você faz planos para o futuro.

"Na madrugada de 8 de dezembro de 1980, o mundo foi surpreendido com a notícia da morte de John Lennon, em Nova York. Ele fora baleado por volta das 23 horas, por um fã fanático e desequilibrado.
O ex-Beatle e a mulher, Yoko Ono, voltavam de uma sessão de gravações do segundo disco da nova fase do cantor, no estúdio Record Plant. Quando o casal já estava na frente do edifício Dakota, em Manhattan, onde morava, Lennon foi abordado por um desconhecido, Mark David Chapman, de 25 anos, que disparou contra ele cinco tiros de um revólver calibre 38. Acertou quatro. John morreu logo após chegar ao hospital. Chapman foi preso no mesmo dia e mantido isolado pela polícia, que temia que fãs de Lennon o matassem.
O crime chocou e comoveu todo o mundo. John Lennon acabara de completar 40 anos e vivia, na época, distante das badalações e da mídia. Dedicava-se ao ocultismo e à alimentação macrobiótica. Mas, depois de cinco anos de silêncio, ensaiava a retomada de sua carreira com o disco Double Fantasy, no qual cantava suas esperanças." - http://estadao.br.msn.com/cultura/artigo.aspx?cp-documentid=26667146


Peço-lhes que escutem algumas de suas músicas, e, se não gostarem, tudo bem, mas não julgue sem conhecer. E, outro pedido que gostaria de fazer é que vocês, que tem twitter, promovam: #30anossemJohnLennon // Obrigada.

4 comentários:

  1. po, era pra ele ta vivo!! e fazendo show no brasil!! era pra ele ter 70 anos!! mt novoo

    ResponderExcluir
  2. Here comes tha sun é do George Harrinson e não do Jonh Lennon

    ResponderExcluir
  3. é, mas o john lennon também canta...

    ResponderExcluir