sábado, junho 04, 2011

Acordando Cedo

Morando perto do colégio, até dá para acordar mais cedo, mas, gente, eu ainda sou uma garota, e demoro para me arrumar, né?! Então, mesmo acordando num horário razoável, normalmente fico cansada. Muito cansada. E eu vou acordando a noite inteira, primeiro lá pras 1:30, aí depois umas 3 hrs, depois as 5:40, quando toca o primeiro alarme... Aí geralmente eu volto a dormir, e só acordo as 6, mas a vontade é de continuar dormindo. Minha única motivação é pensar que, quando chegar o fim de semana, poderei compensar esses dias todos e as horas não dormidas. Então aqui estou eu, em pleno sábado, acordada desde as 7:20 da manhã. Querem saber por que? Bom, eu também não sei! Na verdade, eu estava crente que já eram 10 horas, ou mais... Então eu me levanto, vou lavar o rosto, e de repente vem minha vó: Duda, por que acordou tão cedo? Vai dormir mais um pouco! E eu: Ué, mas que horas são? Minha vó: 7:20.

Sério, vocês podem imaginar minha frustração, até porque eu nem tava mais com sono... E é isso que o turno da manhã faz com você! E sabe o que mais ele faz com você? Te torna escravo dos livros, é... Provas e mais provas, parece que o Santo Agostinho tem uma cisma por colocar todas as provas mais difíceis numa mesma semana! Agora, estou eu aqui, em frente ao livro de ciências e ao de geografia. Parece que hoje ainda tenho que enfrentar muitas bactérias, protozoários, ceélulas, algas ... E ainda por cima, tem uma população inteira com problemas sociais, de segurança, problemas na alimentação, hierarquia urbana... E para completar o dia, que tal uns gráficos de par ordenado, com bastante soma, subtração, réguas e continhas? É, agostinianos, é a vida...

Nenhum comentário:

Postar um comentário